Vaga para Estagiário(a) em Gênero e Juventude

Descrição da Vaga

A ORPHAD-Organização para Promoção da Paz e Desenvolvimento Humanitário pretende recrutar um Estagiário(a) em Gênero e Juventude para Maputo e Nampula.

Principais Objectivos:

  • Espera-se que os(as) estagiários(as)/voluntários(as) de Gênero e Juventude apoiem o planeamento e coordenação dos projectos com outros actores dos agrupamentos de Violência Baseada em Gênero (VBG);
  • Na maioria das circunstâncias, espera-se que o titular do cargo seja o mentor e / ou capacite as partes interessadas e beneficiários dos projectos, instituições governamentais e outras partes interessadas relevantes para atender às necessidades de protecção.
  • Responsabilidades Chave:
  • Responsável pela formulação, desenho, planeamento, implementação, monitoria e avaliação dos projectos, com foco em Gênero, Advocacia e questões de influência;
  • Apoiará a coordenação da colaboração dos projectos com as autoridades locais e as partes interessadas relevantes, incluindo crianças;
  • Apoiar o sector de Género e Bem-Estar Social para conduzir avaliações de protecção juvenil/infantil e VBG usando os processos e ferramentas de avaliação da ORPHAD;
  • Coordenar com outras áreas temáticas da ORPHAD, o Grupo de Trabalho de Proteção juvenil/infantil nacional / distrital e / ou outras agências do sector externo de VBG;
  • Compilar e analisar dados e informações relacionadas no Distrito, com um foco específico na protecção do jovem/criança/VBG e Influência, e preparar contribuições por escrito de acordo para informar o planeamento, desenvolvimento e gestão eficazes do programa;
  • Facilitar o treinamento para vários grupos comunitários sobre tópicos relevantes da proteção juvenil/infantil e do sector de violência baseada em gênero em parceria com a sociedade civil e actores do governo;
  • Monitorar, analisar e avaliar os resultados do projecto para garantir o cumprimento dos objectivos e tomar medidas correctivas quando necessário;
  • Assumir a liderança na prevenção e resposta à exploração e abuso sexual e violência baseada no gênero (VBG) nas comunidades;
  • Prevenção e resposta a todas as formas de exploração, incluindo trabalho infantil prejudicial e tráfico de crianças
  • Apoiar a integração de casos de VBG em outros processos de gestão, de acordo com os protocolos da ORPHAD e Legislação Nacional;
  • Trabalhar com o Oficial de M&A para garantir links para os requisitos de relatórios sempre que possível, consulte a estrutura de M&A para construir uma base de evidências para programar intervenções sobre questões de gênero/juventude e influência;
  • Com o apoio do Gestor senior de Proteção à Criança/jovem e do Grupo de Referência Distrital, colocar em prática atividades de prestação de contas para o projecto, garantindo que o feedback das crianças/juventude e suas famílias seja considerado no planeamento e execução do projecto;
  • Garantir que os sobreviventes da violência de gênero sejam identificados em tempo hábil e forneçam aconselhamento e outros serviços de resposta apropriados por instituições governamentais distritais relevantes;
  • Apoiar o estabelecimento de mecanismos de reclamações e de protecção à criança/juvem e VBG adequados;
  • Coordenar reuniões mensais com o Grupo Distrital de Referência
  • Coordenar com as autoridades distritais para garantir a prestação de apoio psicossocial essencial a crianças, meninas adolescentes e jovens vítimas de violência e abuso;
  • Assegura que as políticas da ORPHAD para a Proteção da Criança & jovem e Igualdade e Inclusão de Gênero (GEI) estejam totalmente incorporadas de acordo com os princípios e requisitos da política, incluindo Normas e Diretrizes de Implementação relevantes conforme aplicável à sua área de responsabilidade.
  • Contribuir para o desenvolvimento do conhecimento interno e externo, assegurar que as lições aprendidas são partilhadas e aplicadas na prática diária, recolhe lições aprendidas, propõe medidas correctivas e assegura a identificação de plano de acção para apoiar actividades entre as ONG e todas as contrapartes do programa;
  • Fornecer relatórios ou produtos diários, semanais e mensais regulares de actualização documentando o progresso das actividades e realizações.

Requisitos Chaves:

  • Grau universitário ou equivalente em serviço social, ciências sociais, estudos de desenvolvimento ou combinação equivalente de treinamento e experiência relevantes;
  • Mínimo de 02 anos de experiência profissional em Gênero, Advocacia e influência e Trabalho de Proteção à Criança, jovem, supervisão e mobilização da comunidade;
  • Capacidade comprovada de implementar atividades de influência e gênero com abordagem holística e integrada ao direito de proteção à criança;
  • Conhecimento de informática e excelentes habilidades de comunicação;
  • Personalidade madura com experiência de vida é uma vantagem;
  • Capaz de trabalhar em contextos desafiadores e ambientes frágeis e sob efeito de pressão;
  • Forte orientação para os resultados, e com a capacidade para desafiar preconceitos bem definidos;
  • Habilidade de comunicação verbal em língua nacional oficial e local;
  • Competências organizativas e de gestão de várias tarefas em simultâneo;
  • Ser natural ou ter residência no local/município para onde concorre e pretende trabalhar (Nampula e/ou Maputo);
  • Disponibilidade imediata.

Como se candidatar?

Caso tenha as habilidades e atributos adequados, envie a sua candidatura e CV, através do E-mail: rh@orphad.org.mz com cc orgphad@gmail.com indicando o assunto “A vaga que concorre e o local para onde pretende trabalhar”.

DATA LIMITE DE CANDIDATURA: 13 de Maio de 2022.

Indique a fonte da vaga na sua candidatura.

Somente os candidatos selecionados para entrevista serão contactados no prazo de duas semanas após a data de encerramento das candidaturas.

Encoraja-se a candidatura de Mulheres.